Governo e Anvisa realizam capacitação para profissionais da Vigilância Sanitária na área de alimentos

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Superintendência da Vigilância Sanitária, em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), iniciou, nesta segunda-feira (7), o curso de Boas Práticas de Fabricação de Alimentos. A capacitação nacional acontece em São Luís e será ofertada durante toda esta semana para profissionais do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária.

De acordo com a consultora da Anvisa, Rosane Maria Franklin Pinto, o curso apresentará, dentre outros temas, alguns dos novos regulamentos da Agência. “Fazia tempo que a gente não oferecia esse tipo de capacitação, mas ela veio em boa hora porque estão para ser publicados dois novos regulamentos de boas práticas para água adicionada de sais e indústrias de embalagens de alimentos. Iremos discutir tudo isso aqui”, explicou a técnica.

O objetivo do curso é capacitar técnicos e aprimorar as atividades que são desenvolvidas no âmbito da vigilância sanitária na área de alimentos.  O superintendente estadual da Vigilância Sanitária, Edmilson Diniz, explica que a Anvisa reformulou o curso de Boas Práticas de Fabricação de Alimentos e, pela primeira vez, leva a capacitação para outro estado da federação.

“É a primeira vez que a Anvisa realiza esse curso neste formato e o Maranhão foi escolhido para recebê-lo. Foram disponibilizadas vagas para todo o Brasil, temos técnicos do Maranhão, São Paulo, Bahia, Salvador, Rio Grande do Norte e de outros estados, além das vigilâncias municipais. Nós já temos inscritos além do número máximo de vagas que era de 80. Para gente, isso é muito positivo, principalmente porque muitos municípios do estado tiveram o interesse em vir participar”, comentou.

Por ser realizado no Maranhão, o curso também trará temas adaptados à região, como o Gerenciamento de Risco Sanitário na transmissão de doença de Chagas Aguda por ingestão de açaí. Outra novidade proposta no evento é a participação do setor regulado, representado pela Associação Nacional de Restaurantes (ANR) e pela Enova Foods, que irá apresentar outros aspectos do trabalho da Vigilância Sanitária.

“Eles vêm acrescentar um outro olhar, uma outra visão que vai auxiliar nas atividades do fiscal. Como o setor regulado percebe o regulamento e percebe o trabalho da vigilância sanitária”, explicou a consultora da Anvisa.

Para a consultora técnica da Associação Nacional de Restaurantes (ANR), Eliana Datto, o curso é uma oportunidade de avaliar como a Vigilância e o Setor Regulado podem trabalhar pela saúde do consumidor. “A importância desse encontro está no princípio de compartilhar esse meio, vivenciar experiências diferentes. De trazer o que os dois setores podem fazer juntos em prol da saúde do consumidor”, comentou.

A capacitação para profissionais do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária prossegue até a próxima sexta-feira (11), no auditório do Conselho Regional de Enfermagem, em São Luís.

Dia da Vigilância Sanitária

No último sábado (5), foi comemorado o Dia Nacional da Vigilância Sanitária, definido pela Lei nº 13.098, de 27 de janeiro de 2015. Para marcar a data, a Superintendência da Vigilância Sanitária do Maranhão, em parceria com a vigilância municipal de São Luís, realizou uma blitz na Avenida Colares Moreira, onde os técnicos, por meio da distribuição de material informativo, apresentaram um pouco do trabalho da Vigilância ao público que circulava na avenida.