Cinema nas Enfermarias promove melhorias na rotina de pacientes do Hospital de Câncer

Cinema nas enfermarias alia o lazer às práticas terapêuticas. Foto: Francisco Campos

O projeto Cinema nas Enfermarias, uma iniciativa do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), tem transformado a rotina dos pacientes do Hospital de Câncer do Maranhão. A execução da atividade possibilita aos pacientes e seus acompanhantes um momento de distração. O projeto alia o lazer às práticas terapêuticas, que visam, entre outros objetivos, promover melhorias na autoestima dos pacientes em recuperação na unidade de saúde.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, e a subsecretária de Saúde, Karla Trindade, acompanharam as atividades do projeto na manhã desta quarta-feira (14). “Esse é um projeto que leva em consideração o bem estar do paciente. A gente se preocupa em oferecer um atendimento de qualidade, que, inclusive, contribua para a rápida recuperação dos cidadãos em tratamento. Essa ação, por mais simples que pareça ser, demonstra o nosso esforço de melhorar os dias dos pacientes no hospital”, disse Carlos Lula.

A diretora administrativa do Hospital de Câncer do Maranhão, Sheila Rodrigues, explicou que a gestão apoia as atividades do projeto, principalmente porque percebe os benefícios que ele provoca no ambiente hospitalar. “O projeto faz com que o paciente se sinta acolhido e valorizado, pois ele percebe a preocupação que o hospital tem de tornar essa passagem por aqui a mais confortável possível”, destacou a gestora da unidade.

O Cinema nas Enfermarias é desenvolvido há mais de um ano na unidade e tem sido, ao longo do tempo, bem avaliado pelos pacientes e seus acompanhantes. As sessões, realizadas semanalmente, contam com pipoca, suco e lanche. Nesta quarta-feira (14), o filme exibido foi “À Prova de Fogo”, que conta a história de um bombeiro que mesmo conhecido como um profissional exemplar, passa por maus relacionamentos familiares, com sua mãe e sua esposa.

A terapeuta ocupacional do Hospital de Câncer Leilian Carneiro contou como o projeto beneficia os pacientes e explicou que as atividades, que envolvem não só a exibição do filme, funcionam como terapia. “A escolha do filme não é feita de forma aleatória, pois a equipe de terapeutas ocupacionais do hospital analisa-o antes da exibição. O filme de hoje, por exemplo, fala de relacionamentos, fé e perdão, e os assuntos sempre nos motivam a realizar um diálogo com os pacientes pós-exibição”, afirmou Leilian.

As pacientes Eciane da Silva Ramos, de 32 anos, e Maria José Mendes, de 52 anos, contam que o cinema ajuda na distração. “Acho que assistir a filmes ajuda a distrair a gente e torna o ambiente melhor”, contou Eciane. “Achei legal. Me sinto bem melhor, sem dúvidas. Parece que o tempo passa até mais rápido. O atendimento aqui é 100%, é tudo maravilhoso”, disse Maria José.

O projeto é aprovado também pelos acompanhantes. “Eu nunca tinha visto um projeto como esse. Eu amei! É um incentivo à recuperação do paciente. Cheguei há pouco tempo no hospital, mas já percebi que somos muito bem tratados aqui”, contou Antonia Lucia Ribeiro, de 53 anos, acompanhante da paciente Raimunda Ribeiro. “Estou acompanhando minha esposa e estou achando muito bom tanto para os pacientes quanto para os acompanhantes”, disse Luís Augusto Rodrigues, 37 anos.

Cinema nas enfermarias alia o lazer às práticas terapêuticas. Foto: Francisco Campos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *